•  29 set 2015  •

Estomatite Infantil

Oi mamães! O assunto de hoje é sobre Estomatite. Graças a Deus o Lorenzo nunca teve, mas a filha de uma amiga ficou bem doentinha por causa disso, e então hoje eu resolvi fazer esse post para explicar um pouco sobre esse vírus e deixar vocês e eu também bem informadas sobre o assunto. Alguma de vocês já passou por isso com seus filhos? Durante minha pesquisa para fazer este post, li que isso judia demais das crianças, e fiquei até com medo de passar por isso com o Lorenzo. Deus nos livre!

estomatite

Bom, vocês sabem o que é Estomatite?

É uma infecção viral, bastante comum entre crianças de 6 meses e 5 anos e provoca várias aftas na boca e na garganta, causando muitas vezes dor e desconforto. Apesar disso, geralmente não há motivos para maiores preocupações. Na maioria dos casos, ela é causada pelo vírus da Herpes simples (HSV-1), que nós carregamos em nosso organismo ou pelo Coxsackie, causador de um quadro conhecido como doença mão-pé-boca, caracterizada por pequenas lesões nessas partes.

Quais os principais sintomas?

Feridas esbranquiçadas no centro e avermelhadas nas bordas surgem nas bochechas, na gengiva,  na língua, no pálato e/ou, em alguns casos, nas amígdalas. Dificuldade para engolir até mesmo líquidos, faz com que a criança babe bastante. Outra manifestação comum é a febre, que pode chegar a 39 graus.  Mau hálito também pode aparecer, e os gânglios do pescoço tendem a ficar inchados e sensíveis.

Esse quadro pode levar de uma semana até 10 dias para sua total recuperação, se não houver complicações.

Como se trata a estomatite?

Por ser causada por um vírus, não há um tratamento especifico. O uso de antibióticos não fará efeito algum.. Veja a seguir algumas dicas para aliviar o desconforto do seu filho e mantê-lo o mais saudável possível:

Medicamentos à base de paracetamol ou ibuprofeno podem ajudar a diminuir a dor e a febre. Porém, não medique seu filho sem consultar o pediatra antes.

Tente manter seu filho sempre hidratado. Pode ser um tarefa difícil, porque ele poderá estar sentindo muitas dores, mas é muito importante mantê-lo hidratado. Tente oferecer bebidas mais frias, não ácidas e não gasosas – água, milk shakes ou sucos são boas opções. A desidratação pode aparecer rapidamente em crianças pequenas. Mantenha sempre o contato com o pediatra do seu filho caso ele fique sem fazer xixi ou beber água por muitas horas.

Procure dar alimentos mais frios também, como sorvete e iogurte, e comidas menos temperadas, como macarrão só na manteiga ou com azeite e purê de batata ou mandioquinha.

Evite alimentos ácidos como (laranja, abacaxi, tomate, morango, kiwi, limão) ou muito temperados (sal, pimenta, alho).

Mantenha sempre a higiene bucal, apesar de ser mais difícil por causa da dor, e mais difícil ainda com a escovação, tente uma gaze somente umedecida com aguá, passando levemente na boquinha da criança. É muito importante manter a higiene da boca para que o local fique menos propício para o desenvolvimento de infecções com agravação do quadro inicial.

A Estomatite é perigosa?

Normalmente não, pois em alguns dias ela tende a passar. Existem casos raros em que ela atinge os olhos, prejudicando a córnea de forma irreversível. Aos primeiros sinais de estomatite consulte o pediatra, siga suas orientações e fique sempre alerta às mudanças no corpo do seu filho.

Existe prevenção?

É difícil impedir as estomatites, já que o vírus está no corpo de tantos adultos e crianças e é facilmente transmitido (assim como o coxsackie) através do contato normal entre pessoas. O que é possível fazer é não deixar as crianças perto de alguém que esteja com uma infecção por herpes ativa ou qualquer lesão na boca (e isso incluí você também).

Se as feridinhas na boca forem causadas pelo herpes, o vírus ficará no corpo para sempre. A boa notícia, no entanto, é que o primeiro surto de estomatite costuma ser o pior, e o problema não necessariamente se repetirá a toda hora.

 

1 Comentário
Saúde e Bem Estar
1 Comentário
  1. Isabel   em 14/02/2016 - 18:23

    Poxa meu filho de 7 anos pegou e emagreceu bastante, agora quem pegou foi a irmã de 4 anos, ela n come chora MT porque são muitas Aftas, isso dá uma dó.

Deixe seu comentário