•  16 jul 2015  •

Como iniciar a introdução alimentar

Oi mamães!!! O post de hoje é sobre introdução alimentar. Vou contar para vocês como iniciei a introdução aqui em casa, e como a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda. Sabemos que o aleitamento materno deve ser exclusivo até os 6 meses de vida do bebê, até mesmo os bebês que mamam fórmulas, é recomendado pela OMS que também seja exclusivo até os 6 meses, após esse período o leite materno não contém mais todos os nutrientes que o bebê precisa, principalmente o ferro. Porém, muitas mamães trabalham fora, e tem que voltar ao trabalho antes mesmo dos 6 meses do bebê, por isso, alguns pediatras recomendam iniciar a introdução com uns 5 meses.

introdução alimentar

O intuito deste post não é dizer qual a idade correta para que cada bebê comece a introdução, e sim explicar como se deve fazer a introdução alimentar. Eu tenho certeza que se as mamães que trabalham fora pudessem ficar em licença maternidade até os seis meses do seu filho, elas só começariam a introdução alimentar depois, mas infelizmente muitas tem que voltar a trabalhar antes, então esse post é para ajuda-las com esse momento de descobertas.

A pediatra do Lorenzo nos orientou da seguinte forma: Nos primeiros quinze dias eu dava um fruta amassada pela manhã. Mais precisamente três horas depois da primeira mamada do dia. Isso era mais ou menos 10 horas da manhã. Ficamos assim por 15 dias, esse tempo nos deixava perceber se ele teria alguma reação alérgica com alguma fruta. Eu costumava dar banana e mamão. Graças a Deus não tive problema, ele comia tudo, era diferente, a textura era novidade e depois deste período passamos a dar a fruta por mais 15 dias a tarde também.

Um mês depois, já com 7 meses, começamos com a introdução das papinhas. Na consulta com a pediatra, fui orientada de como deveria ser o preparo, nada de passar no liquidificador ou na peneira, pois isso acaba destruindo as fibras dos alimentos e faz o alimento perder a sua textura original. Começamos da mesma forma das frutinhas, 15 dias papinha só no almoço, depois comecei a dar no jantar também. Veja baixo os grupos alimentares que devem conter na receita de uma papinha.

introdução alimentar

Créditos da foto: Papinha Prática

Com a introdução das papinhas, o Lorenzo teve um pouco de prisão de ventre, apesar das papinhas serem muito nutritivas, com muitos legumes, verduras, grãos etc, o intestino deles está se preparando, amadurecendo. Pra aliviar um pouco a prisão de ventre, eu fazia uma pastinha de ameixa cozida, comprava ameixa preta sem caroço, cozinhava em pouca água, batia no liquidificador, e todo dia dava uma colherzinha de chá. É docinha, eles gostam!

No começo eu fazia papinha para a semana inteira e congelava, depois comecei a fazer somente para dois dias (coisa minha mesmo), mas eu não trabalho fora né, então para as mamães que precisam trabalhar, é só fazer para a semana inteira, e congelar mesmo. Se você conseguir fazer 2 sabores de papinha faça, assim ficará dois sabores diferentes. Pode ser que seu bebê não aceite logo de início as papinhas, mas você deve insistir, aos poucos você irá educando o paladar da criança.

A cada refeição o apetite deles irá mudar e por isso é importante ficar atenta aos sinais que seu filho dá. Se seu (a) bebê ficar virando o rostinho, fazendo não com a cabeça ou brincando na refeição, é sinal de que já está satisfeito, o Lorenzo faz isso sempre, eu respeito, não forço, porque ele come super bem, até mesmo nos dias em que ele está mais chatinho e come pouco, não fico forçando, sempre respeito o limite dele.

O Lorenzo não gosta muito de sucos, também não introduzimos na dieta dele no inicio, então demos preferencia às frutas por ter muitas fibras o que ajuda no funcionamento do intestino. Hoje, com 1 ano e 3 meses, ele toma bastante água, fica super feliz quando entrego o copinho na mão dele. Esses dias comprei uma garrafinha de suco natural (natural mesmo, não polpa) de manga com maracujá e ele adorou. Agora dou umas 2 vezes por semana pra ele, mas ainda assim, os olhinhos dele brilham quando entrego água (parece até mentira né?) mas não é não rs.

Veja abaixo algumas dicas essenciais para a introdução dos alimentos para os bebês.

 

1 – Prepare as papinhas usando somente temperos naturais, como salsinha, cebolinha, cebola, alho e azeite.

2 – Não passe os alimentos no liquidificador ou peneira, os bebês precisam se acostumar com as diferentes texturas dos alimentos.

3 – Todos os dias devem ser oferecidos alimentos de todos os grupos, e variar os alimentos dentro de cada grupo.

4 – A adição do açúcar deve ser evitada nos dois primeiros anos de vida da criança.

5 – Não deixe a TV ligada na hora das refeições.

6 – Quando o bebê mostrar interesse em pegar os alimentos com as próprias mãos, deixe que ele sinta os alimentos e suas texturas, eles aprendem muito com o tato.

7 – Use colheres de plástico ou silicone.

8 – Refeições em família é muito melhor. O bebê passa a observar a família e irá aprender muito sobre os alimentos.

9 – Não dê sucos mesmo que naturais diariamente. Eles não tem fibras e contém muita frutose.

10 – Ofereça muita água durante o dia.

11 – Não force a comida. A hora da refeição precisa ser legal e não um tormento.

Não é difícil fazer com que o seu filho tenha uma alimentação saudável. Por enquanto não ofereci e nem vou oferecer açúcar ou cereais industrializados para o Lorenzo. Não quero ser uma vilã dos alimentos para o meu filho, “pretendo” (não quero cuspir para cima e cair na testa) evitar doces e refrigerantes até enquanto eu puder. Não que meu filho irá passar vontade nas festinhas de finais de semana, muito pelo contrario, quero que ele aproveite porque durante a semana, as regras não terão exceções.

Gostaram mamães? Como foi ou está sendo a introdução alimentar do seu bebê? Deixe nos comentários sua experiência!

Super beijo!

13 Comentários
Saúde e Bem Estar
13 Comentários
  1. Rosana   em 16/07/2015 - 21:19

    Amei seu post de hoje leu sempre que posso, e era exatamente o que eu estava esperando pois minha filha já está perto de fazer 4 meses e eu de voltar a trabalhar, e estou sem saber o que fazer pois a pediatra não quer deixar eu enserir nada , só porque trabalho perto da minha casa.Ela quer q eu vá em casa de 3 em 3 horas para amamentar.

    • Josi Alves   em 16/07/2015 - 22:52

      Oi Rosana! Obrigada por curtir o blog! Acho que se você puder amamentar sua filha até os 6 meses seria o ideal. Mas também sou a favor das mães, porque somente nós sabemos o que é bom para nós e nossos filhos não é mesmo? Espero que este post te ajude na sua decisão e na melhor forma de introduzir os alimentos para sua bebê! Beijos

  2. Melissa Cortez   em 04/09/2015 - 13:55

    Adorei o post, meu filhote já está com 7 meses e meio, comecei a introdução quando ele tinha 4, porque logo voltaria a trabalhar. Queria muito ter mantido o aleitamento exclusivo por 6 meses, mas é assim, né? Tirava meu leite e minha mãe dava para ele. Agora ele ama frutas e a papinha salgada, já está jantando papinha também, come super bem e mama duas vezes ao dia (LM).
    Parabéns pelo seu filhote, ele é muito lindo! =)

    • Josi Alves   em 04/09/2015 - 14:14

      Oi Melissa! É assim mesmo, o mais importante foi o seu bebê ter se alimentado de leite materno! Parabéns pela introdução, e pelo bebê que come muito bem, a gente fica muito feliz quando eles comem muito né?! Obrigada! Beijos

  3. Ana Claudia Andrade   em 04/09/2015 - 14:07

    Oi Josi. Adorei o post, parece que tudo o que estou buscando pra ler vc posta aqui… Rssssss… Mto bom!
    Essa semana minha filha irá começar com as papinhas de frutas, recomendada pela pediatra. Eu consegui com que ela completasse 5 meses só no leite materno, graças a Deus. Ela iniciará na creche antes dos 6 meses, por isso devo começar logo as frutas e fórmula na mamadeira. Espero que ela pegue bem a mamadeira.
    Grande abraço!!!

  4. Emilly   em 04/09/2015 - 23:11

    Oi minha bebê está com 5 meses vou fazer uma cirurgia fim do mês do muito preocupada ela só mama exclusivamente LM não pega mamadeira e nem chupeta e não sei o que fazer pra começar da alimento a ela mim ajuda com sua experiência mim ajudar o que eu posso fazer com urgência… Agradeço desse já… Bjoss

    • Josi Alves   em 05/09/2015 - 12:45

      Oi Emilly! Bom, conheço algumas mães que começaram a introdução alimentar quando o bebê tinha 5 meses. Acredito que você já possa começar oferecendo frutinha. Faça no mesmo esquema que fiz, comece no cafe da manhã e depois no lanchinho da tarde. Você já conversou com o pediatra da sua filha? Ele (a) poderá te ajudar nesta fase, já que seu caso é de extrema particularidade. Tente introduzir a mamadeira tbm, aos poucos pode ser que ela se acostume. Tente fazer isso tudo agora, já que no final do mês você terá que se ausentar. Com a papinha salgada você pode começar depois que ela pegar bem a frutinha. Tenha calma, vai dar tudo certo! Boa sorte! Beijos

  5. Amanda   em 21/09/2015 - 22:07

    Olá boa noite. Como conheceu esse quadrinho com os grupos alimentares?! Pergunto pois eu que elaborei :) Não tem problema utilizar, pelo contrário, eu acho ótimo. Mas se possível cite a fonte. Abraços: Amanda Branquinho @papinhaprática

    • Josi Alves   em 25/09/2015 - 19:20

      Oi Amanda, na internet mesmo! Colocarei os créditos! Obrigada!

  6. Amanda   em 21/09/2015 - 22:29

    Olá, boa noite Josi. Conheci o seu blog hoje e achei muito interessante. Parabéns! Como conheceu esse quadrinho com os grupos alimentares?! Pergunto pois eu que elaborei :) Não tem problema utilizar, pelo contrário, eu acho ótimo. Mas se possível cite a fonte. Abraços: Amanda Branquinho @papinhaprática

  7. Lanna Karolinne   em 25/10/2016 - 13:34

    Adorei seu post, meu bebê está perto de completar 5 meses e só mama LM em LD, já estou dando água pq aqui é muito quente, estou esperando os 5 meses para começar a oferecer frutas! Obrigada pelas dicas… Amei! Seu filho é lindo

  8. Heloisa   em 01/01/2017 - 20:40

    Muito bacana!!!!

Deixe seu comentário